Pastor Da Igreja Universal Apanhado A Roubar Dinheiro Doado Por Fiéis

News

Um pastor da Igreja Universal do Reino de Deus, IURD, na cidade brasileira de São José do Rio Preto, a 441 km de São Paulo, foi apanhado pelas câmaras de videovigilância do templo onde trabalhava a roubar parte das doações dos fiéis. O homem foi incriminado por furto, que pode acarretar-lhe uma pena de prisão de dois a oito anos, mas o delegado (inspetor) da cidade permitiu que aguarde a tramitação do processo em liberdade.

Foi outro pastor, responsável pelas finanças do templo, que descobriu o crime, depois de perceber que o dinheiro doado pelos fiéis de vez em quando sofria uma redução significativa sem qualquer justificação. Desconfiado, decidiu ver o sistema de câmaras devideovigilância e apanhou o colega a retirar dinheiro do saco onde os fiéis depositavam as suas ofertas.

Nas imagens em que o pastor surge a roubar, o homem conseguiu retirar aproximadamente 670 euros em notas. Mas, ao ser confrontado pelo responsável pelas finanças do crime, ele confessou ainda que aquele furto não tinha sido o primeiro e que já há algum tempo roubada parte das doações.

A direção do templo decidiu comunicar os furtos à polícia e o acusado foi depor, confessou e devolveu o valor furtado. O delegado registou o furto e incriminou o pastor, mas não o prendeu, como determina a regra para crimes em flagrante, alegando que a IURD acabou por não ter prejuízo, pois o pastor devolveu os valores furtados, e que o religioso pode ficar em liberdade por não representar riscos para a sociedade.

Os pastores que geriam o templo em que os furtos ocorreram comunicaram o facto à direcção da IURD, mas não se sabe que tipo de punição o pastor recebeu ou poderá receber. Nem a direcção regional da IURD em São José do Rio Preto nem a direcção nacional, em São Paulo, quiseram comentar a situação.

Não deixe de ver:  Administrador de HCB raptado reaparece com problemas metais e com indícios de “Lavagem cerebral “

CM

Related posts

Última hora: Mariano Nhongo neutralizado

Daycon Frans

O culpado da humilhação da Renamo é o Ossufo Momade, diz a Justiça Nacional

Mário StifLer

Eleições: Filho de Dhlakama é a nova estrela dos comícios da RENAMO e arrasta multidões

Daycon Frans

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Está bem Ver Mais