Os “My Loves” ou carros mistos já estão a circular em Maputo

My Love
News

A Agência Metropolitana de Transporte de Maputo colocou quatro carros mistos para garantirem o transporte de pessoas e mercadoria em zonas consideradas de difícil acesso. A Autarquia da Matola está a acolher a fase piloto onde os passageiros já estão a beneficiar-se daquele meio circulante. Entretanto, os utentes têm opiniões divergentes quanto a aquele meio circulante.

Uns chamam-lhe “my love”, os seus mentores e projectistas chamam-lhe carro de transporte misto, por levar a bordo numa única viagem passageiros e carga. É um carro de caixa aberta concebido para as chamadas zonas de difícil acesso, onde as estradas não oferecem condições para a circulação de autocarros. Os carros de transporte misto já estão a operar em número de 4, nas rotas de Santa Isabel, Boquisso, e Mukatine na Autarquia da Matola e vão até ao terminal rodoviário de Zimpeto. Naqueles carros, viajam passageiros sentados e outros de pé, com zonas prioritárias para pessoas com deficiência, mulheres gravidas incluindo idosos.

Dizem alguns passageiros quando entrevistados pelo “O País“ que não há conforto, mas o transporte é seguro. Um dos utentes reprovou aquele carro “você esta a ver, esta a ver esta situação? É melhor colocarem machimbombo isto não e carro para transporte“. Abordo do carro misto seguia também Ilídio Pinto que considera ter havido melhoria quando compara o carro com os vulgos “my love“. O nosso entrevistado disse que melhorando a estrada que parte de Tsivene a Mukhatine pode haver melhoria do transporte.

Jacinta Luís saiu da Cidade da Matola tendo feito escala no terminal do Zimpeto para apanhar o carro misto até Boquisso. Levava no colo o seu filho recém-nascido, apesar de ter estranhado o aspecto do carro disse que gostou de ter viajado no carro de transporte misto. Mesma opinião foi partilhada pelo Milton Sitoe que foi abordado pela reportagem do Jornal “O País“ quando acabava de desembarcar e quando convidado a fazer uma comparação entre este e os carros de caixa aberta, vulgo “my love“, diz haver melhorias, na segurança e comodidade durante as viagens.

Não deixe de ver:  Governo de Niassa vai contra lei e impede uma marcha pacífica contra assassinatos e violações sexuais naquele ponto do país

O presidente do Conselho de Administração da Agência Metropolitana de Transporte de Maputo, Antonio Matos, diz ser esta uma tentativa para melhorar o transporte de pessoas e bens.“Nós queremos muito ouvir a opinião das pessoas, aquelas que estão a utilizar os veículos, para saber se estão satisfeitos ou não. Temos consciência de que fizemos tudo, mas eventualmente aqui e acola podemos ter uma falha que podemos corrigir”.

De referir que os referidos carros não entram para a zona urbana. E, de forma faseada, a Agência Metropolitana vai alocando estes meios circulantes em outros pontos dos municípios de Maputo e Matola, incluindo o Distrito de Matutuíne.

Related posts

Detidos dois suspeitos do assassinato do Governador da Sala da Paz

Mário StifLer

Adolescente que matou o vizinho na Matola defende-se

Mário StifLer

O Vaticano tem dinheiro para acabar com a fome do mundo?

Mário StifLer

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Está bem Ver Mais