Expirado prazo de prisão preventiva de Joe Williams: Procuradoria pede mais tempo

News

Expirado prazo de prisão preventiva de Joe Williams: Procuradoria pede mais tempo

A Procuradoria da Cidade de Maputo pediu mais tempo para investigar o processo em que o auto-intitulado profeta, Joe Williams, é acusado de ser mandante de um sequestro. O prazo da sua prisão preventiva terminou a 9 de Março corrente, uma vez que ele foi detido a 5 de Fevereiro.

A lei dá essa prerrogativa à Procuradoria de solicitar mais tempo em situações em que o processo é complexo, quando os arguidos são muitos e quando ainda há tantas diligências por fazer. Aqui, sim, a Procuradoria pode pedir que se dilatem os prazos da prisão preventiva.

Ora, neste processo há muitas zonas de penumbra por dissipar. Ou seja, não se entende porquê a Procuradoria pediu mais tempo uma vez que o “profeta” é o único arguido no processo. Todas as diligências foram feitas em uma semana pelo SERNIC.

Em conversa com alguém das relações de Joe Williams, disse que o “profeta” está a comer o pão que o diabo amassou- logo um “profeta”! Ainda não existe nenhuma acusação provisória contra ele. O seu advogado não tem acesso ao processo e nunca foram apresentados os seus cúmplices no sequestro, uma vez que se diz que ele é que é o mandante. Mandou a quem?

O juiz de instrução e o SERNIC só lhe ouviram uma vez. Quarenta dias depois da sua detenção ainda continua na mesma cela onde está encarcerado com mais 28 reclusos. As normas da cadeia indicam que volvido este prazo, o recluso deve ser transferido para uma cela normal. Mas Joe Williams não!

Nós continuamos a achar que o pecado do Joe foi o “show-off”. Como é que ele chega aqui e exibe dinheiro, carros, luxo, no meio de tanta pobreza? E nem tem como justificar donde é que vem tanta riqueza. As suas sistemáticas aparições nas televisões nacionais é que lhe tramaram. Ele dizia tudo com ingenuidade até parecia uma criança. Ora, se Joe é de facto pastor ou seja lá o que for, devia pelo menos ter alguma ética. Devia saber que determinadas coisas não podem sair da boca de um pastor. Ao insultar em pleno público levantou uma dúvida razoável de que ele de pastor não tem nada. É um charlatão. Montaram-lhe uma armadilha e ele caiu feito um patinho. Agora está ali a mofar na cadeia. Onde é que estão os seus guarda-costas? Os amigos de Miami?

Não deixe de ver:  Alice Mabota quer mandar fechar a igreja de Onório Cutane e Joe Williams

O Joe, no dia que escapar disto, deve voltar para onde esteve antes de o conhecermos. Tripudiou com a sociedade moçambicana que ainda não é capaz de entender que alguém tenha que exibir tanta riqueza no meio da pobreza. E ainda um “profeta”!

(Justiça Nacional, siga-nos no Facebook)

Related posts

Ex-embaixador moçambicano é acusado de roubar ao Estado na Rússia

Mário StifLer

Por tráfico de drogas: Moçambique vai extraditar Tanveer Ahmed para os Estados Unidos

Mário StifLer

Filipe é vaiado pela população do distrito de Boane durante a sua visita em campanha eleitoral

Daycon Frans

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Está bem Ver Mais